12-02-2020

Portugal atinge mínimo histórico na taxa de Abandono Escolar Precoce

Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a taxa de Abandono Precoce de Educação e Formação registou o valor mais baixo de sempre em 2019, ao alcançar um valor de 10,6%, menos 1,2% que em 2018.

Com esta perspetiva e tendo em conta que, no território continental, a taxa já alcançou os 10,1%, o país fica mais próximo de atingir a meta da União Europeia, que tem como objetivo uma taxa máxima de 10% de abandono escolar.

 

É importante lembrar que quando este indicador começou a ser apurado, há duas décadas, e segundo uma metodologia comum à escala europeia, Portugal registava valores próximos dos 50% de abandono escolar precoce, ultrapassando em 30% o valor da média europeia.

 

Estes resultados mostram como o país tem tido uma evolução notável naquele que é considerado pela Comissão Europeia como um dos principais indicadores da performance dos sistemas educativos.

Há várias iniciativas que se têm traduzido em resultados positivos no combate ao abandono, tais como o programa TEIP (Territórios Educativos de Intervenção Prioritária), o Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar, o Apoio Tutorial Específico, a aposta no Ensino Profissional e na Educação Inclusiva, e a Autonomia e Flexibilidade Curricular, entre outras.

 

Fonte: Diário de Notícias

voltar ao topo
KUBO © 2018 - 2020

Política de Privacidade

zuka